Inflamação é um processo natural e necessário para proteger as células contra uma infecção. A situação se agrava quando as inflamações ocorrem de modo continuo gerando alterações e danos no equilíbrio celular resultando no aparecimento de doenças como Alzheimer, obesidade e alergia.

 

Para os atletas os alimentos anti-inflamatórios podem potencializar a recuperação das fibras musculares e evitar lesões, trazendo benefícios para a melhora do desempenho e para a saúde de quem pratica atividades físicas.

 

Os alimentos pro inflamatórios devem ser evitados e consumidos com moderação: Açúcar / Alimentos fonte de Omega 6 (óleos vegetais)/ cereais refinados (massas, pão francês, arroz) / embutidos / refrigerantes / carnes gordas / frituras / bebidas alcoólicas / leites e derivados integrais (gordura saturada) / produtos industrializados (corantes, conservadores).

 

Os alimentos anti-inflamatório: Fonte de ômega 3 (peixes, linhaça) / legumes e verduras / frutas / gengibre / azeite de oliva / crucíferas (brócolis, couve) / vitamina C (frutas cítricas, couve) / oleaginosas / leguminosas / frutas / probióticos. Um alimentação equilibrada e variada é fundamental para o bom funcionamento do organismo!

Yana Glaser

Colunista

Formada em nutrição, especializada em nutrição esportiva e fisiologia do exercício. Triatleta há 18 anos, Kona finisher 2016! Contribui com o Trilo quinzenalmente as quintas feiras com a coluna: COMER PARA TREINAR - Como uma dieta adequada pode garantir uma boa disposição, recuperação, um melhor desempenho nos treinos e a superação de suas metas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *