Olá Pessoal!!

 

Após algumas semanas de muita festa chegou a hora de voltar à rotina e iniciar os planos para 2019. Atletas profissionais estão acostumados a treinar durante e após Natal e Ano Novo e até se dedicam mais aos treinos por ter mais tempo livre. Atletas amadores acabam usando o período para descansar ou viajar com a família. Porém a pausa total não é a mais indicada nas férias. Com as energias renovadas, esse certamente é o melhor momento para iniciar sua preparação para aquela prova importante que você colocou como meta na temporada.

 

A primeira dica é literalmente PEGAR LEVE!! A batalha para recuperar o tempo perdido e perder todo peso adquirido não é fácil e nesse momento é muito comum as pessoas quererem acelerar o processo. Mas tudo que o corpo NÃO precisa é de um "overtraining"!! Isso pode inclusive ocasionar lesões e quebrar todo o planejamento preparado. Faça exercícios físicos mas sem cobrança ou performance. Não faz mal algum diminuir a intensidade dos treinos para preservar sua saúde. Um nutricionista também pode te ajudar a reorganizar a alimentação para facilitar o processo de emagrecimento e já preparar uma dieta focada no objetivo da temporada!

 

Como muitas famílias se encontram de férias, que tal aproveitar o período para praticar outras atividades físicas? Experimentar stand up paddle, pedalar no parque, jogar vôlei na piscina, caminhar por alguma trilha, enfim... Proporcionar estímulos diferentes ao organismo não apenas ajudam a melhorar a coordenação motora e manter o metabolismo acelerado, facilitando a queima de gordura, como também são atividades prazerosas que combatem o estresse.

 

O verão também é um período favorável para viagens curtas nos finais de semana, então, que tal aproveitar e programar um treino no rio ou represa? Procure um local seguro com indicação de amigos, se for o caso peça autorização do proprietário para entrar na propriedade. Leve uma touca bem chamativa, para que seja fácil identificá-lo em caso de uma emergência. Use sempre filtro solar e prefira horários onde a temperatura não esteja muito elevada. Com o calor excessivo nosso corpo desidratada com mais facilidade e praticar exercícios pode agravar os sintomas da desidratação. Sede, fadiga precoce, tonturas e sonolência são os primeiros sintomas que quem pratica atividade deve ficar de olho. Beba bastante água!

 

Mas não se esqueça de levar sempre alguém para acompanhá-lo. Nunca é bom praticar maratona aquática sozinho, afinal imprevistos podem acontecer como uma câimbra, mal estar súbito e é preciso ter alguém atento e pronto para agir antes que algo mais grave aconteça!

 

Nesse período, procure priorizar objetivos alcançáveis a curto e médio prazo, acrescentando novas metas gradativamente. Ao atingir as metas você se motiva e isso contribui para a continuidade do treinamento.

 

O ano de 2019 promete e podem contar comigo para mais um ano de muita troca de experiências e conteúdo sobre natação em águas abertas!

 

Esta coluna é um oferecimento de BLOCKS. Uma barra de frutas e castanhas que não possui essências ou conservantes. Utilizam apenas matéria prima integral, sem adição de açúcar, glúten e lactose. Experimente, são produtos divertidos, acessíveis e com qualidade. Um snacks pronto para te acompanhar nos treinos, provas ou no dia a dia.

 

Todos os produtos BLOCKS estão disponíveis no site do trilo e nas principais lojas do Brasil.

Samir Barel

Colunista

Educador Fisico, especializado em Bioquímica, fisiologia, nutrição e treinamento pela UNICAMP. Idealizador do DESAFIO AQUAMAN, diretor técnico do ALOHA SPIRIT e sócio da ELO Academia de Campinas. Foi TOP TEN no Grand Prix Mundial da FINA em 2013, participou e venceu diversas ultra maratonas aquáticas, destaque para a 14Bis (24K) e a tríplice coroa: canal da mancha (36k), volta da ilha de Manhattan (45K) e Canal Catalina (34K). Mensalmente assina nossa coluna sobre natação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *