Somos vidrados em soluções rápidas e mágicas para atingir o sucesso, procuramos dicas, novas tendências, dicas infalíveis, stories no Instagram, vídeos no Youtube, artigos em portais esportivos.

 

Queremos o mais rápido possível correr bonito, baixar o pace, fazer uma maratona, completar um Ironman, pedalar montanhas, aumentar a potência no ciclismo, emagrecer rápido, e assim vai. Será que temos como conseguir isso rapidamente?

 

Para que isso aconteça, são necessárias algumas premissas antes de encarar treinos malucos e soluções mágicas. Estas já são conhecidas por todos, mas vale à pena reforça-las sempre, pois esquecemos diariamente delas, não é mesmo?

 

1. Definição de uma meta coerente e relevante em sua vida: Antes de começar a treinar, defina aonde e como você deseja chegar a uma meta, não se esqueça, que ela precisa estar alinhada com sua rotina e sua missão pessoal.

2. Alinhamento do calendário de provas: Escolher bem sua prova alvo e submetas é fundamental para um avaliação longitudinal, manutenção da motivação e evolução técnica e tática.

3. Planejamento de treino: Sem um treino bem orientado e específico, a meta fica mais distante, ou os resultados não serão sólidos, além do alto risco de lesões e, consequentemente, a desistência do esporte.

4. Controle de peso e percentual de gordura: Esportes de endurance, como a corrida e o triathlon não combinam com sobrepeso. A sobrecarga osteo-mio-articular pode gerar lesões crônicas e agudas, limitação ao desenvolvimento técnico, além da não obtenção dos resultados esperados.

5. Qualidade de treino: Treinos longos e sem planejamento podem gerar bons resultados rapidamente, porém não se sustentam e podem abrir uma grande janela para incidência de lesões.

6. Regularidade: Este é um dos requisitos mais importantes, pois nada adianta pensar em números e treinos mirabolantes, sem que haja constância e disciplina. Nosso corpo responde muito bem a estímulos sucessivos e bem modulados.

7. Foco: Este está diretamente ligado às metas e submetas. Não adianta apenas estabelecê-las, olhar o tempo todo para elas é muito importante para o sucesso.

8. Bons hábitos: Não há corpo que aguente um regime longo e intenso de treinos com horas de sono privadas, alimentação pobre e desequilíbrio emocional. A longevidade e efetividade estão diretamente relacionadas a este pano de fundo.

9. Equilíbrio e ajuda dos amigos e familiares: Você não irá a algum lugar sozinho e olhando para o próprio umbigo. Integrar a família e amigos em seu projeto, não abandonar o trabalho e vida social por completo, são premissas para a longevidade no esporte.

10. Prazer em treinar: Transforme a obrigação em prazer. Isso só é possível quando você estabelece uma meta relevante, não foca apenas em resultados e passe a olhar para o processo e aos benefícios que o esporte proporcionam ao seu corpo e mente. Curta estar bem e ame aquilo que você se propôs a fazer.

 

Nada de ficar caçando fórmulas mágicas, vamos arregaçar as mangas, trabalhar duro e deixar grandes legados em nossas vidas.

 

Bora pra cima, galera!

Rodrigo Lobo

Colunista

Bacharel em Educação Física pela Escola de Educação Física da Universidade de São Paulo; Sócio diretor da Lobo Assessoria Esportiva; Palestrante de temas sobre qualidade de vida, treinamento esportivo e empreendedorismo; Colunista do portal Ativo.com e colaborador de diversos portais e revistas esportivas; Atleta amador de corrida de rua e triathlon, Contribui com o Trilo mensalmente com a coluna - DA TEORIA A PRÁTICA - tudo que precisamos saber para manter os treinos e a qualidade de vida!

One thought on “FUJA DE FÓRMULAS MÁGICAS: 10 PREMISSAS PARA O SUCESSO!

  1. Mauricio disse:

    Grandes dicas . Obrigado Rodrigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *