Recebo hoje aqui um antigo amigo, um cara que desde sempre me impressionou e inspirou. Um cara tranquilo, ponderado, determinado e super focado. Um atleta que devido a sua contribuição ao esporte, se fosse americano ou europeu, já teria um parque aquático ou avenida com seu nome. Para você ter uma idéia da importância da sua carreira na natação, para começar foi vice-campeão da maratona aquática 14 Bis em 1982 e campeão paulista de maratonas aquáticas em 1983. Foi o primeiro brasileiro a participar da famosa Capri-Nápoles e foi o vencedor da maratona Registro-Iguape, tendo nadado os 100km em 17h45’. Com vocês, o nadador, padeiro, agricultor, técnico de natação, cientista social e empresário nas horas vagas, Edmundo Arthur Foschini.

 

Aproveitem!

 

Endörfina

Michel Bögli é um apaixonado por bicicletas e foi triatleta profissional entre 1988 e 1997. Venceu diversas provas, participou de alguns mundiais, incluindo dois Ironman do Havaí. Correu as primeiras provas de aventura por aqui, desde 1994 participou cinco vezes da Race Across America (RAAM) e em 2001, venceu a categoria duplas. Organizou diversas corridas de rua e provas de 24h de ciclismo, além de ter participado de quatro edições da Cape Epic. No Endörfina Podcast conversa com amigos e campeões do triathlon, corrida, ciclismo e natação.

2 thoughts on “EPISÓDIO 93 – EDMUNDO FOSCHINI

  1. josé ricardo dos reis silva disse:

    Alô ! Muito boa a iniciativa da entrevista, muito inspiradora, com Edmundo Arthur Foscuini.Um grande nadador que tive o prazer de conviver no início dos anos 1980, em várias Maratonas aquáticas, organizadas pelo Clube Naman , de Santos e São Vicente ( inclusive o idealizador da 14 Bis).Tempos de Esportistas””Casca-Grossa”” Porém, acho que cabe uma nota , com relação ao primeiro brasileiro a completar a Capri -Napolis… Convém uma pesquisa ,mais apurada pois em 1969, dois nadadores se classificaram e participaram dessa prova , após cumprirem a Travessia Ilhabela-Caraguatatuba ( na época , realizada pela Federação Paulista de Natação). Foram eles: Delmar Soares e Mário Bello… Mario Bello completou a prova.
    Nessa prova de 100km ( Registro-Iguape , da qual Edmundo foi o vencedor, em 1991, eu participei, devo lembrar que o Edmundo fez em 18 horas e alguns minutos , o segundo e terceiro lugares fizeram 21h , e outros nadadores foram retirados do água com 24 h, a cerca de alguns quilômetros da chegada , pois íamos entrar em uma segunda noite n água… Foi realmente , a prova muito difícil , inusitada , , maluca , e imperdível, …
    Muito bom ouvir a s palavras Deste Super esportista, muito bom Dar voz a esses “Veteranos que fizeram muito pelo esporte do Brasil,
    Parabéns, muito Obrigado…

    1. Caro José,
      Muito obrigado pela adiência e palavras de incentivo.
      Muito legal saber que você também esteve lá ao lado do Edmundo. Parabéns, vocês são heróis.
      Sobre o Delmar e o Mário, obrigado pela correção. De fato não achei nada em minhas pesquisas e talvez, o próprio Edmundo não saiba. Sugiro você conversar com ele. Com certeza ele ficaria contente.
      Grande abraço e continue ligado no Endörfina!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *