Meu convidado de hoje é faixa preta de taekwondo, mas uma lesão no quadril o levou se dedicar à corrida. Por coincidência, uma reportagem na televisão sobre Ironman mudou o curso da sua vida. Ele viu no esporte recém descoberto a oportunidade para preencher o vazio que a arte marcial deixou. Buscou um pouco de informação e começou a treinar para estrear, logo de cara, numa prova de meia distância. Terminou com um honroso último lugar. Feliz da vida, continuou o caminho em busca de realizar o sonho de participar de um Ironman, que aconteceu logo no ano seguinte. A busca por mais desafios o fez experimentar um tipo de prova ainda pouco comentado, as provas individuais ou solo. Foi quando entrou em contato com o idealizador do Soloman com a proposta de, sozinho, fazer uma prova destas em sua cidade, Passo Fundo no Rio Grande do Sul. Desde então o conceito não lhe sai da cabeça e ele vem organizando uma edição anual da prova, que este ano está limitada a 50 participantes. Com vocês, o metaleiro, ex-mochileiro, organizador do Soloman e da travessia Desafio Passo Real, o giruaense Ricardo Rosa.

 

Aproveitem!

 

Endörfina

Michel Bögli é um apaixonado por bicicletas e foi triatleta profissional entre 1988 e 1997. Venceu diversas provas, participou de alguns mundiais, incluindo dois Ironman do Havaí. Correu as primeiras provas de aventura por aqui, desde 1994 participou cinco vezes da Race Across America (RAAM) e em 2001, venceu a categoria duplas. Organizou diversas corridas de rua e provas de 24h de ciclismo, além de ter participado de quatro edições da Cape Epic. No Endörfina Podcast conversa com amigos e campeões do triathlon, corrida, ciclismo e natação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *