O jovem Cássio iniciou sua carreira como ciclista em 1982, ainda em sua cidade natal, Belo Horizonte. Os bons resultados o levaram a se mudar para São Paulo para representar a famosa equipe Pirelli, que por sua vez, serviu como uma espécie de trampolim para que ele recebesse um convite para correr por uma equipe portuguesa. Contratado a princípio para ser gregário durante sua estréia na Volta a Portugal de 1989, veio a reviravolta que definiria sua carreira para sempre. A conquista, na raça, da posição de capitão graças ao seu excelente desempenho na competição.

 

Foi líder por mais de 10 dias e terminou a volta em segundo lugar. A partir daí, garantiu seu espaço no concorrido mercado europeu do ciclismo profissional, vencendo a mesma Volta de Portugal no ano de 92, a Volta do Algarve em 92 e 95, além da medalha de ouro nos Jogos Sul-Americanos em 98 e as vitórias na Volta de Santa Catarina nos anos de 87, 2000 e 2001. Recebo aqui hoje para contar sua história de vida, um homem cheio de opiniões e sem papas na língua, o ainda jovial, Cássio de Paiva Freitas.

Aproveitem!

 

Endörfina

Michel Bögli é um apaixonado por bicicletas e foi triatleta profissional entre 1988 e 1997. Venceu diversas provas, participou de alguns mundiais, incluindo dois Ironman do Havaí. Correu as primeiras provas de aventura por aqui, desde 1994 participou cinco vezes da Race Across America (RAAM) e em 2001, venceu a categoria duplas. Organizou diversas corridas de rua e provas de 24h de ciclismo, além de ter participado de quatro edições da Cape Epic. No Endörfina Podcast conversa com amigos e campeões do triathlon, corrida, ciclismo e natação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *